Muito na bad por causa da morte de Champignon.

Suicídio é coisa forte!

O extremo da covardia e da coragem.

Sei lá… Viver é muita onda!

Ele disse:

"Quando perdem a fé, perdem a vontade de viver."

Concordo! Mas ele não falou pra que ngm concordasse ou discordasse.
É preciso ter fé em alguma coisa, sempre. É o que te mantém vivo, são.

Não tenho fé nos homens. Na sociedade falha.
Às vezes nem sei dizer pelo que tenho fé. Deus é muito vago. Acredito que exista. Mas não me entra a ideia que os homens fazem dele.

Tenho fé na fé.

A cólera pode chegar ao cérebro.

O corpo, na realidade é muito frágil. A mente é mais forte, mas é frágil também.
Claro que depende de quem se fala. Tem aqueles que o corpo sempre sobressai ao psíquico.

Até onde você vai aguentar? Até onde você quer ir? Até onde você consegue ir?

"Tenho em mim todos os sonhos do mundo."

Mas o meu maior sonho, é que o mundo um dia seja mundo.


 

Cada vez mais me sinto mais longe dos meus pais e mais perto de mim.

iinfinitcircular:

Lilo e suas palavras de mudar o mundo…

Achei no blog de Nandinha. <3Lindinha. Amei.

iinfinitcircular:

Lilo e suas palavras de mudar o mundo…

Achei no blog de Nandinha. <3
Lindinha. Amei.

Eu só sei lidar com garrafa Pet.

Só sei associar a reciclagem, se for com garrafa pet.
Jogar no lixo; descartar;

Eu preciso entrar na aula de Descartes de pessoas. Sou obrigada, no fluxo da vida, a seguir conforme a direção do vento, mas quando paro e ele passa por mim… Sedimentos ficaram pelo caminho. Decomporam lá atrás… Agora sigo sem. Só com o vento, com outros sedimentos, com garrafas pet recicladas.

Quem fez parte da sua vida não deveria sair mais. Paciência meu amigo, nem só de coisas boas vivem o relacionamento humano. Catástrofes precisam ser contornadas, resolvidas, sanadas. Não podemos ser tão vulneráveis a negatividade alheia, ou a coisas mal ditas, fatos sem encaixes… Não posso levantar meu nariz, pegar minhas coisas e indignadamente dizer: Adeus.
E ligar o “foda-se”. Para muitas pessoas é assim mesmo que se faz, mas não para mim. Exceto quem só queria te apunhalar ou queria o que vc tinha, essas vcs tem que mandar pro depósito de reciclagem, junto com a garrafa pet.
Eu tento conversar até com meus cachorros quando eles fazem algo errado. Eu sempre penso que bicho é mais fácil pra lidar que gente. Cachorro nunca vai descartar seu dono. Às vezes vc vai chegar da rua disposto a brincar e/ou dar atenção ao seu cão, às vezes, muitas vezes, não. E o canino não vai te amar menos nem pensar em procurar outro dono, um substituto, vai desistir de você.

Eu tenho inúmeros defeitos, tenho mesmo! E a cada dia tento me policiar. Converso comigo mesma, tenho meu grilo falante.
Mas tenho uma virtude que muito me dói a ausência nas pessoas. O diálogo é o mínimo que se espera em um Ser. Mas, pare pra pensar: Quem realmente você pode conversar? Quem realmente você tem alguma desavença e pode ter um diálogo explicando seu lado e ouvindo o do outro?
Muito me entristece a arte de se comunicar e saber mais do outro, entender a mente do outro, as confusões que palavras trocadas provocam, má intenções, podem interferir vidas que são juntas.

Já me fizeram muito mal quando eu era mais nova. Muito mal mesmo. Uma pessoa que era quase da família. E eu procurei entender. Não acredito que um dia quem vc amou possa realmente te ocasionar dor, de graça. E hoje, acredito que não foi maldade. É importante dialogar pra criar discernimento pras questões da vida e pra absorver algo imprescindível pra você.
Você aprende que confiança é algo muito frágil, que pessoas são dispostas ou não.

Há quem queira resolver, quem queira entender, desembolar o emaranhado que traz confusão e afins. Essas, ao meu ver, são as pessoas que não têm o que temer. Não se escondem, não têm medo da verdade.

Há as que preferem deixar pra lá, acertar o tonel de resíduos, jogar no lixo e seguir, sem saber o que de fato aconteceu.
Essas, sempre irão achar algo fantasiado e irão contar anedotas aos demais. Iniciar-se-á um ciclo.

Eu… Eu prefiro jogar fora as garrafas PET e anedotas inúteis.
Se eu amar alguém, vou amar até o fim. Amor é coisa séria. Se eu amo, eu me importo. Abraço suas qualidades e seus defeitos.
Relacionar-se com pessoas é muito delicado, é preciso paciência.

Ouça a vida te instigando a questionar. Questione você mesmo, questione o vento, o tempo, o ar, o mudo, o surdo, o cego, o mundo.

Questione o outro, o vilão, o mocinho. Verá que não há nem vilão nem mocinho. Talvez uma fusão dos dois, não perfeita. Às vezes homogênea até, ou heterogênea. Às vezes tende a meio ácido, às vezes ao básico, ao neutro.
Na verdade, o neutro (n) só existe no átomo, eu acho. Nas personalidades, até quem não demonstra verbalmente, sente algo pro lado iônico ou do cátion.

Passar, passar… Passageiro. O que não é passageiro? (Tá, o motorista e o cobrador —’)
O que não é efêmero? Sentimentos são. Pessoas, animais, o meio inteiro, - o meio inteiro - O inteiro.

Sou ninguém aqui. Ou sou alguém que incomoda muita gente ou que é imprescindível pra muita gente. E quem não tem disso, não é mesmo?

Mas isso tudo que passamos é a carambola dentro da bola de gude. (Sempre achei que era uma carambolinha!)

"Extravagâncias, amantes, dívidas,
separações, alegações de incesto,
morte por febre,
se você quer ser um guitarrista do Iron Maiden
tem que carregar consigo um Lord Byron.

Você tem que ser teu próprio pronto socorro,
da selvageria que é a vida,
do osso quando arrebentam
pancadarias na arquibancada,
uma taça feita de crânio, as perfurações,
as úlceras, as lesões, as ofensas,
as injúrias, os agravos.

De teu motor valvulado, corrosivo e perecível
você tem que extirpar cadeados de lamentos,
cruz e sacrifícios.”

Cara, falar de Deus, assim como falar de futebol e algumas outras polêmicas coisas, as vezes é uma espécie de UFC. Alguns o fuzilarão com o olhar, em pensamentos, ou vão ser intolerantes como acharem melhor.
O fato é que eu posso expor sim o que eu penso. Eu não acho que nessa vida, extremamente maluca, Deus irá te salvar de algo. Se tiver que acontecer, parceiro, vai acontecer. Pode ser até mesmo Ele quem diga que é pra acontecer. Porque Deus é quem sabe. Deus é mais.
Um assalto, uma morte, um câncer. Uma bênção, a megassena, o milionário big cultura brother brasil. A fome, a miséria, o tsunami, o caos. A igreja.
Os homens.

Somos fruto de algo superior, eu acho isso. Mas acho tão prepotente essa onda de somos os donos do mundo (ou filhos do dono). Nós não somos nada, cara.
Sinto falta da união no mundo. Sinto falta das coisas bagunçadas, às vezes arrumadas. Tudo encaminha extremamente sob pressão (caótico), mas o percurso é bem arrumado, desde o seu nascimento.

Vamos viver, pelo amor de Deus! ;)